Looks

Carol Fashion Week – O caminho entre o desejo e a realização

17/04/2015
IMG_9714_2

Aháaaaaaa! Hoje é dia de mais um post de Carol na Fashion Week. kkkkkkkk Todo mundo aí postando seus bafos, seus looks e suas produções e eu nos Correios enviando encomenda da Prosa fotografando meu visual também, por que afinal este é um blog de vida e estilo pessoal. Então vamos ao que interessa. >.<

Eu não fui à SPFW, mas se tivesse ido, com certeza ia fazer questão de vestir algo improvável, mas com uma informação de moda bem bacana, por que o evento tem essa aura libertária da exploração das possibilidades fashion. Se tem uma coisa que eu aprendi nestes 5 anos de blog, é que a gente é capaz de vestir o que quiser, de Valentino a Chanel, sem precisar vender um rim no mercado negro. E digo mais, acredito que uma marca estampada na testa/bolsa/etc tem o mesmo efeito de uma luz intensa bem dentro da nossa pupila: ela ofusca o que a gente realmente precisa ver. Por isso tantas pessoas acham que só é possível ter estilo quando se tem $$, por que estão ofuscadas por marcas e nem sempre enxergam que, no fundo, o look pode não ter nada de especial, pode ser só um repeteco, só uma marca mesmo.

Mas como usar uma referência de moda sem comprar as marcas que criam essas referências? A resposta é usar um combo infalível: olho clínico, criatividade e paciência para garimpar. Essas três características são exercícios diários, igual a malhar os glúteos, só que exercitando duas bandas de corpo bem mais interessantes: o cérebro. Então quando eu resolvo bater perna na rua, no Saara, na feirinha, nos brechós, meus olhos estão atentos a tudo e eu elevo meu nível de percepção para todos os detalhes. Depois vou associando o que vejo aos meus anseios fashion e aí meu cérebro vai buscar na memória o subsídio necessário para transformar uma referência de desejo numa ideia realizada.

Um exemplo prático? Há tempos que estou obcecada pela estética minimalista-carioca da Osklen, pela forma como o Oskar mantém uma unidade tropical-urbana em todas as suas coleções, misturando os óbvios coqueiros das estampas, com modelagens ultramodernas, tecidos tecnológicos, acessórios futuristas e materiais inusitados como o acetato e o vinil. Tem sido assim desde sempre e essa era a referência que latejava na minha cabeça há meses.

inspiracao osklenAí a Osklen faz todo esse auê coqueirístico, mas a gente sabe que coqueiros não são propriedade intelectual da Osklen e são a primeira referência de paraíso e tropicalismo que qualquer ser humano tem na mente. Então surgem outros designers usando a semântica do coqueiro para dar ares de verão às suas coleções, mas sem cair naquelas óbvias estampas de biquini. Xeque-mate! Carol deseja.

inspiracao-fausto-puglisi

E quando Carol deseja, Carol dá um jeito de fazer acontecer, mesmo com um orçamento ridículo, por que Carol acredita que criatividade não tem preço. Ou melhor, tem preço, mas é pouquinho e dá pra dividir em 5x sem juros no cartão C&A. hahahahah. Essa conversa toda é só para mostrar para vocês o look que eu escolheria para um dia de SPFW e todas as referências de moda que eu usei para construir essa combinação improvável de Saara com fast-fashion. Espia!

IMG_9709 IMG_9714 IMG_9728 IMG_9735 IMG_9790IMG_9715 IMG_9750IMG_9718IMG_9784

Fotos babado: mamis

Vamos ao check-list fashion: tem transparência? Tem. Tem corte reto e minimalista? Tem. Tem acessórios meio futuristas? Tem. Tem estampa de coqueiro PRATICAMENTE IGUAL à do Fausto Puglisi? Tem. Tem precinho camarada? Tem. Tem unha descascada? Tem também. kkkkkkkk Este é, com certeza, um dos looks que mais amei vestir na vida. Fui com ele para um show, mas não tinha ainda tirado fotos poderosas para mostrar pra vocês os detalhes. Fiquei ainda mais feliz por ser uma produção bem baratinha. Adoro quando alguém diz “putzzzz, que roupa incrívellll, onde você comprou???” e eu posso responder: no Saara e na C&A. Dá um certo prazer ver a cara de espanto das pessoas, por que look bom não é aquele que tem marca, é aquele que marca.

EITA QUE FRASE DE EFEITO CAFONA!!!!! kkkkkk #chanelchora Hora de acabar o post! >.<

Blusinha: C&A, R$ 69 | Saia: Lenço amarrado comprado no Saara por R$ 8 | Bolsa: Miallegra, R$ 89 | Óculos: 25 de Março, R$ 25 | Sandália: Zara, R$ 79 | Batom: Smocked Peach da Revlon.

Beijos, Carols

Looks

Eu e meus panos

15/04/2015
IMG_9642

Cada dia que passa se torna mais inevitável eu escolher um pano/lenço/echarpe qualquer no armário e amarrar como saia. Por que poucas coisas são tão simples quanto amarrar um pano. A primeira vez que usei esta echarpe da Zara foi neste look, e desde então ainda não tinha usado a peça em outras combinações. Até que este sábado precisei comparecer a uma reunião de trabalho e acabei apelando à praticidade por que acordei atrasada. Sem muito tempo pra pensar no que vestir, apenas lancei mão do meu mais velho truque de “interessância automática de looks”: o mix de estampas. É tipo receita infalível. Quando estamos com pressa e sem ideia do que vestir, é só misturar estampas que funciona. :D

IMG_9650 IMG_9649IMG_9637 IMG_9655 IMG_9666 IMG_9665

 Fotos: Larissa Queiroz

Aí vocês me dizem: “Po, Carol, acho difícil coordenar estampas, misturar cores!” Verdade, muita gente tem essa dificuldade, mas eu vou ensinar 3 truques muito simples para facilitar essa tarefa:

1) Existem combos de estampas que quase sempre dão certo. São eles: floral + oncinha / floral + listras / floral + bolinhas / grafismos + oncinha / grafismos + floral. 2) Ao escolher as estampas para misturar, observem a paleta de cores e encontrem cores em comum. Por exemplo: no look de hoje existe a predominância do azul marinho e do amarelo-esverdeado nas duas estampas. 3) Se vocês tiverem dificuldade de encontrar no armário cores que harmonizem (às vezes é difícil identificar as peças soltas nos cabides) pratiquem o TMF: Truque da Miopia Forçada. (inventei isso! kkkkk) Cerrem os olhos até quase fechar para transformar a imagem definida das roupas, numa espécie de mancha. Aí vocês observam as “manchas” como um todo e não como peças separadas. HAHAHAHAH É doido né? Mas cola na minha, que é sucesso! hahahhaa

Blusinha: comprei numa barraca-brechó aqui em Botafogo, R$ 15 | Echarpe: Zara, R$ 79 | Bolsa: Sapatella, R$ 69 | Sandália: Schutz, R$ 290 | Óculos: ganhei de presente da Melissa.

Beijos, Carols